354 - SOBRE UMA TRILHA DE FARWEST

Quando eu era pequeno em Barbacena, digo, Itatinga, meu pai-querido me levava sempre ao cinema da cidade.
Era nosso Cine-Paradiso...
Nem todos os filmes eram politicamente corretos.
Mas não importava...Eu estava com meu pai.
Ele era multi-funcional: músico-de-todos-os instrumentos, era maestro, era poeta, era meu herói.
Lembro-me que ele, durão-aos-moldes-de-Clint-Eastwood, emocionou-se do meu lado, assistindo o filme “ Três homens em conflito”, cuja trilha sonora está nesta tela.
Hoje, enquanto ele vive em harmonia com Jesus, eu me atenho aos conflitos do dia a dia.
A ele, esta trilha sonora com sua-cara-e-seu-jeito-de-ser.

Nenhum comentário: