427 - SOBRE A SAUDAÇÃO DE UM GRANDE VIOLEIRO...COM MINHA GRATIDÃO


"Sinhores dono da casa
O cantadô pede licença.
Pra puxá a viola rasa
aqui na vossa presença"

E usando como ponte esse poema de mestre Elomar, puxo a viola rasa e canto em homenagem ao amigo e irmão das cordas.
Que Deus, tão bem acompanhado de mestres como Adauto Santos, Pena Branca, Renato Andrade e Tião Carreiro, reúna o céu em festa, para celebrar seu aniversário, meu caro mestre.
Que São Gonçalo cante o primeiro verso e faça dos seus dias as mais alegres melodias.
Muita saúde, muita paz e que a felicidade esteja sempre presente em sua vida e na vida de todos que lhe são tão caros.
Abraços de seu humilde fã,
Angelim
(NOTA DO BLOG: a foto ilustrativa no alto é do grande violeiro ANGELIM , ilustre pesquisador da nossa moda de viola . Vide seu mais-que-abençoado-sítio

Nenhum comentário: