522 - SOBRE A ESTÉTICA DA ESPIRITUALIDADE


O entardecer é sempre uma metáfora de nós,
criaturas entardecentes...
Também o anoitecer é sempre um espelho de nós,
seres luais...
O mar, da mesma forma, é uma ilustração de nós e nossos mistérios...
Em tudo, a presença da estética da espiritualidade,
dormente
mas querendo sempre estar acordada...

Nenhum comentário: